Ajudamos comunidades carentes a ampliar o acesso à internet gratuitamente

Projeto Pangea da Cloudflare

Embora a internet seja fundamental para nossas vidas, metade da população mundial não tem acesso a ela e muitos estão limitados a uma conectividade ruim, cara e não confiável. Apesar dos grandes níveis de investimento público e infraestrutura privada, esse acesso desigual e injusto persiste.

Como resposta a esse problema, surgiram redes próprias operadas dentro das comunidades afetadas, que estão mostrando sucesso de modo constante. Com pouco treinamento e suporte, essas comunidades estão criando redes locais de forma barata e confiável, usando hardware padrão de baixo custo e equipamentos não especializados.

O Projeto Pangea é uma iniciativa da Cloudflare que oferece conectividade segura à internet para comunidades carentes por meio de nossa rede global e interconectada. Estamos firmando parcerias com as comunidades para ajudar a conectar redes locais à internet gratuitamente.

Projeto Pangea da Cloudflare

Os desafios

Comunidades do mundo todo investem cada vez mais em infraestrutura física para promover a conectividade com a internet, incluindo antenas de Wi-Fi e cabos de fibra ótica. No entanto, mesmo depois que as comunidades estabelecem conexões locais, a conexão com a internet global pode ser muito cara, e às vezes nem ocorrer.


A abordagem da Cloudflare

Nossa missão é ajudar a construir uma internet melhor para todos. O Projeto Pangea expande a internet que estamos ajudando a construir, uma internet mais rápida, confiável e segura, para pessoas que talvez não tenham como acessá-la.

Com o Projeto Pangea, podemos ajudar as comunidades a solucionar desafios de rede, como o roteamento de tráfego da internet em nome da rede local ou comunitária, além de oferecer recursos essenciais de segurança, privacidade e desempenho.

A Cloudflare lançou a Interconexão com a rede da Cloudflare em agosto de 2020 para permitir que os clientes se conectem diretamente à nossa rede para ter desempenho e confiabilidade aprimorados. O Magic Transit e o Magic Firewall dão a esses mesmos clientes proteção contra o tráfego malicioso, como ataques DDoS. Embora tenhamos usado esses serviços para ajudar grandes empresas a melhorar a confiabilidade e a segurança de suas redes, essas mesmas ferramentas, com as mesmas proteções de segurança e privacidade incorporadas, podem ser usadas por populações carentes que, de outra forma, não teriam acesso confiável.

Um mapa do mundo com a localização do projeto Pangea

Apoio do setor


Participantes do Pangea

Inscreva-se no Projeto Pangea

Requisitos para qualificação

O Projeto Pangea foi criado para ajudar a ampliar o acesso à internet mais seguro e confiável para comunidades carentes. Para se qualificar, os participantes devem ser organizações sem fins lucrativos, redes comunitárias cooperativas ou redes comerciais pequenas ou privadas que operam de acordo com o interesse de uma comunidade, além de ter como foco principal oferecer acesso à internet para comunidades locais carentes.

A largura de banda não pode exceder 5 Gbps no 95º percentil (a Cloudflare pode atualizar esse número com um aviso 15 dias antes).

A revenda das provisões de internet e dos serviços de segurança da Cloudflare oferecidas no Projeto Pangea são para o benefício somente da rede comunitária e não estão disponíveis para revenda a outras redes, pessoas ou entidades.

O Projeto Pangea pode não estar disponíveis em todas as jurisdições.

Requisitos técnicos

Nesta fase, o programa tem dois requisitos técnicos:

  • a rede tem ou pode estabelecer um backhaul para um ponto de troca em locais qualificáveis de peering públicos ou privados da Cloudflare, que podem ser conferidos aqui.

Com a evolução do projeto, podemos modificar esses requisitos técnicos.

Ao enviar este formulário, você concorda em receber informações da Cloudflare relacionadas aos nossos produtos, eventos e ofertas especiais. Você pode cancelar o recebimento dessas mensagens a qualquer momento. Nunca venderemos seus dados e valorizamos suas opções de privacidade. Consulte nossa Política de Privacidade para obter mais informações.