Como a velocidade do site impulsiona a otimização dos mecanismos de pesquisa (SEO)?

A otimização da performance de um site é parte importante para garantir que um site apareça nas melhores posições nos resultados de buscas.

Objetivos de aprendizado

Após ler este artigo, você será capaz de:

  • Explicar o que é SEO
  • Entender porque a performance do site é importante para a SEO

Copiar o link do artigo

Como a velocidade do site melhora a otimização de SEO?

A velocidade do site é um dos muitos fatores envolvidos na disciplina de otimização dos mecanismos de pesquisa (SEO), mas não é o único. SEO é a prática de adaptar o conteúdo e a experiência do site à forma como os mecanismos de pesquisa, como Google e Bing, avaliam as páginas web e as classificam nos resultados de pesquisa. O objetivo da SEO é classificar as páginas o mais alto possível nos resultados de pesquisa, o que, em última análise, direciona mais tráfego para um site.

Do ponto de vista de um mecanismo de pesquisa, é importante tornar mais fácil para os usuários encontrarem as informações de que precisam, portanto, a experiência do usuário de um site é muito importante. O desempenho do site é uma grande parte da experiência do usuário. É frustrante para o usuário quando ele precisa esperar que as páginas terminem de carregar.

Quanto a velocidade do site afeta a SEO?

Em 2010, o Google anunciou que a velocidade do site seria levada em conta nas suas classificações de pesquisa. Desde então, o desempenho do site se tornou mais influente e a otimização para o desempenho agora é uma parte importante da otimização para a SEO. Em seu anúncio inicial definindo a velocidade do site como um fator de classificação, o Google enfatizou o ponto de vista do usuário e como um site lento afeta negativamente a experiência do usuário. O Google também destacou que os usuários eram menos propensos a permanecer em sites que carregavam lentamente (o que poderia significar que, como consequência, os usuários seriam menos propensos a permanecer o tempo suficiente para que sua consulta fosse respondida).

O Google não revela detalhes sobre seus algoritmos de busca, então é difícil quantificar exatamente o quanto a velocidade do site afeta a SEO. No entanto, a usabilidade do site e a experiência geral do usuário são certamente cruciais, especialmente para dispositivos móveis e a própria pesquisa do Google mostrou que 53% dos sites para dispositivos móveis são totalmente abandonados se demorarem mais de 3 segundos para carregar.

Noções básicas de SEO

Como funciona a SEO?

Quando um usuário realiza uma busca usando um mecanismo de pesquisa, o mecanismo gera uma lista de sites que são colocados em ordem do mais provável ao menos provável para satisfazer a consulta. Essa lista costuma ser dividida em uma série de páginas de resultados (ou SERPs) listando sites que poderiam responder à consulta do usuário e, usualmente, cada SERP inclui 10 resultados. A maioria dos usuários não passará da primeira página de resultados de busca, optando, em vez disso, por refinar sua busca e tentar novamente. Por esta razão, o objetivo da maioria dos especialistas em SEO é fazer com que o site que estão gerenciando esteja incluído nos 10 primeiros resultados de busca para as consultas que estão visando.

Um site terá uma classificação mais alta ou mais baixa nos resultados do mecanismo de pesquisa, dependendo de vários fatores, incluindo a relevância para a consulta e a autoridade que o algoritmo de pesquisa considera o site. Ao otimizar um site para pesquisa, os proprietários de sites podem garantir que seu conteúdo apareça o mais alto possível nas classificações de pesquisa, aumentando a probabilidade de os usuários clicarem.

A SEO funciona como um conjunto de práticas para ajudar os mecanismos de pesquisa a determinar que tipo de informação é oferecida em um site, e consequentemente, permitir que os usuários que estão buscando essa informação a encontrem.

No Ocidente, o Google domina o mercado de mecanismos de pesquisa e, por causa disso, os algoritmos do Google são em grande parte o que determina as melhores práticas de SEO. Na América do Norte, o Google tem cerca de 90% de todas as buscas, com as buscas do Bing e do Yahoo ocupando a maior parte do restante do mercado. No entanto, em outras partes do mundo, outros mecanismos de busca dominam; por exemplo, o Baidu é o principal mecanismo de busca na China.

A SEO é constituída de uma variedade de táticas, incluindo:

  • A qualidade do conteúdo determina em que grau ele responde às perguntas que os usuários incluem em sua pesquisa. Os profissionais utilizam um processo chamado pesquisa de palavras-chave para garantir que os tópicos e termos de pesquisa sejam relevantes para as buscas. Para a pesquisa de palavras-chave é necessário entender o volume de pesquisas, os termos de pesquisa associados e o panorama da concorrência para uma palavra-chave. Além disso, a qualidade de um conteúdo se relaciona ao seu grau de correspondência com a intenção do usuário ou em que grau ele ajuda o usuário a atingir qualquer objetivo que o tenha colocado na página em questão. Por exemplo, um artigo intitulado "O que é SEO" deve se concentrar em definir a SEO e explicar seus componentes relevantes, enquanto um artigo intitulado "Como otimizar a SEO" deve se concentrar em conselhos associados a ações.
  • Os fatores na página se referem à forma como o conteúdo da página web é estruturado. As páginas web otimizadas têm títulos claros e diretos, cabeçalhos de seção úteis, nomes de arquivos descritivos e alt text nas imagens, além de uma hierarquia de sites fácil de entender. Esses fatores tornam mais fácil para os mecanismos de pesquisa "entenderem" do que trata uma página web.
  • Os fatores fora da página, por outro lado, estão fora do conteúdo do site propriamente dito. Um dos fatores fora da página mais comuns é a quantidade de links externos que um site tem. Quando sites autoritativos (ou de confiança) têm links para um conteúdo fora do site, o algoritmo do Google interpreta isso como uma indicação de que o conteúdo é valioso.
  • A experiência do usuário se concentra no visitante do site e é aí que os sinais vitais essenciais da web (CWVs) entram em jogo. Os CWVs são um conjunto de métricas que o Google utiliza para medir a rapidez e tranquilidade de carregamento de uma página web e, consequentemente, como os usuários experimentam o site. Embora sejam importantes para qualquer site, os CWVs podem ser particularmente críticos para determinados setores, como o comércio eletrônico. Por exemplo, quando alguém está tentando fazer o checkout em uma sapataria online, a velocidade lenta de uma página pode fazer a diferença entre a obtenção de uma receita de US$ 100 ou US$ 0.

Alguns proprietários de sites optam por usar táticas problemáticas conhecidas como SEO de "chapéu preto", que, de modo geral, não são recomendadas. Uma das técnicas mais conhecidas é o chamado preenchimento de palavras-chave.

Preenchimento de palavras-chave é a prática de usar palavras-chave várias vezes em um conteúdo de forma não natural, na tentativa de obter uma vantagem nas classificações dos mecanismos de pesquisa. O Google parou de levar em conta a frequência com que as palavras-chave são usadas para se tornarem relevantes e, às vezes, penaliza os sites por casos em que claramente o preenchimento de palavras-chave ocorreu.

Por que o SEO é importante?

A SEO é fundamental para uma estratégia de marketing holística, em parte porque ter um conteúdo relevante que ocupa uma posição de destaque é bom para o reconhecimento de uma empresa no setor de sua escolha.

Além disso, a SEO é uma tática de marketing orgânica, ou não remunerada. Embora otimizar um trecho de conteúdo ou a experiência do usuário possa requerer tempo e esforço, o tráfego conquistado com as iniciativas de SEO não são algo que se possa comprar. Compare isso aos anúncios digitais, que desaparecem assim que uma empresa deixa de pagar por eles. Neste sentido, as iniciativas de SEO podem ser mais vantajosas no longo prazo em comparação com as táticas do tipo "pagar para participar".

A SEO também pode ajudar as empresas a construírem um público de futuros compradores. Por exemplo, se quiser atrair clientes em potencial para o site, uma empresa de comércio eletrônico que vende protetor solar pode pagar para que seu site apareça na forma de um anúncio em outros sites. Mas isso só irá capturar alguns poucos compradores em potencial. Alguém que pesquisa no Google "quais são os benefícios de usar protetor solar" pode também ser um cliente em potencial, mas ter pouca probabilidade de ver ou clicar em um anúncio. Uma estratégia de marketing holística irá empregar táticas para que esses dois tipos de cliente se acostumem com sua marca e, eventualmente, convertê-los em compradores. A SEO deve fazer parte dessa estratégia.

Como faço para otimizar minha página web para a SEO?

Pesquisa de palavras-chave e conteúdo

  • Conduzir uma pesquisa de palavra-chave: otimizar uma página para uma palavra-chave só é importante se as pessoas estiverem realmente pesquisando essa palavra-chave. O processo de pesquisa de palavras-chave pode ajudar proprietários de sites a determinar que tipos de perguntas os buscadores estão pesquisando e detectar correspondências com suas próprias prioridades comerciais.
  • Entender e escrever visando a intenção de pesquisa: todos os leitores têm um objetivo em mente quando leem ou visitam uma página web, quer estejam conscientes disso ou não. Os proprietários de sites devem pensar na melhor maneira de ajudar seus leitores a atingirem seus objetivos. Por exemplo, uma leitora que acessa um artigo sobre como confeccionar um vestido está procurando algo instrutivo e acionável. O proprietário de um site pode querer complementar seu artigo com uma demonstração em vídeo ou imagens do processo para facilitar o envolvimento do leitor.
  • Escrever artigos minuciosos e fáceis de entender: o Google classificará melhor os artigos percebidos como sendo as melhores respostas às consultas de pesquisa. Uma maneira de proporcionar ao conteúdo a melhor chance de classificação é os proprietários do site se certificarem de que estão abordando as partes de um tópico que são relevantes para os objetivos do leitor. Além disso, escrever artigos que os leitores tenham facilidade de entender também pode ajudar a impulsionar a SEO, já que a legibilidade é outro fator de classificação.
  • Dicas de SEO na página

    • Organizar por títulos: usar títulos ou subtítulos para dividir um trecho de conteúdo pode ajudar a facilitar a leitura do artigo, aprimorando a experiência do leitor. Pode também ser uma oportunidade de escrever com base nas palavras-chave que uma organização está visando. Por exemplo, escrever um título do tipo "como confeccionar um vestido" pode não apenas tornar mais fácil para o leitor localizar um site para obter instruções acionáveis, como também tornar mais fácil para o Google entender que o artigo pode ser uma boa correspondência para o termo de pesquisa "instruções de confecção de vestidos".
    • Usar alt text: o alt text é usado para descrever o conteúdo de uma imagem. Isso torna os sites mais acessíveis para as pessoas que utilizam leitores de tela para navegar na internet. Também ajuda a reforçar a ideia principal de um artigo, criando oportunidades adicionais para incorporar a palavra-chave ou conceitos essenciais.
    • Incorporação de palavras-chave: embora o preenchimento de palavras-chave nunca seja uma boa tática, em alguns locais é muito importante incluir uma palavra-chave alvo, como o meta título e a meta descrição.
    • Experiência do usuário e SEO técnica

      A SEO técnica envolve muitos fatores, mas aqui estão dois dos mais importantes:

    • Velocidade do site: um site rápido é um dos princípios essenciais de uma SEO técnica. Duas maneiras de ajudar a aumentar a velocidade do site são usar uma rede de distribuição de conteúdo (CDN) e redimensionar as imagens. Uma CDN funciona armazenando conteúdo (ou cópias de conteúdo) em cache ao longo de uma rede de servidores. Assim, quando um usuário acessar uma página web seu conteúdo será carregado em um servidor que esteja mais próximo, aumentando a velocidade de carregamento. Da mesma forma, a redução do tamanho das imagens ajuda o site a carregar mais rapidamente, aprimorando seu desempenho.
    • Páginas web rastreáveis: outro fator importante na SEO técnica é se certificar de que os mecanismos de pesquisa sejam capazes de rastrear as páginas web. Uma maneira de fazer isso é se certificar de que as páginas web relevantes estejam "indexadas", uma indicação de que a página web deverá aparecer nos resultados de pesquisa. A arquitetura do site é outro fator para tornar um site rastreável. O uso de links internos (incluindo hiperlinks para páginas web de um site partindo de dentro do site) ajuda a dizer ao Google quais páginas são as mais importantes.

    Como a Cloudflare pode ajudar na SEO?

    A Cloudflare oferece algumas ferramentas para aumentar a velocidade do site, o que pode aprimorar a SEO técnica. A CDN da Cloudflare aprimora o desempenho do site armazenando conteúdo estático e dinâmico em cache usando uma Rede global que abrange mais de 275 cidades em mais de 100 países. Além disso, o Cloudflare Images oferece uma funcionalidade de redimensionamento que pode compactar imagens e aumentar ainda mais a velocidade de carregamento do site.